segunda-feira, 1 de outubro de 2012

Tecnologias não tão atraentes para gatos

Sabemos o quanto os gatos adoram produtos úteis para a humanidade. Basta abrir um notebook e já vem ele, ronronante, preparando-se para se aconchegar, e sem muitas delongas, ele se posta totalmente sobre o teclado, impedindo qualquer atividade necessária. Não satisfeito, muitos ainda cravam seus dentinhos, pois somente desta forma, a marca ficou definitiva.

Experiência própria, meu quase aposentado Latitude 131L da Dell, já está sem a tecla page down e o canto esquerdo superior do monitor possui vestígios de dentadas. Veja que eu não disse dentada, e sim dentadas!

Modens, DVDs, receptores de parabólicas e de TVs a cabo, tudo serve como uma caminha quentinha e aconchegante para esse nerd inverterado, adorador de bugigangas eletrônicas, especialmente nos meses mais frios do ano.

 - DJ Kitten

Nunca fiz o teste em qualquer pequeno aparelho eletrônico, mas tenho certeza de que se eu ou qualquer uma de vocês, gateiras assumidas, abríssemos algum, a quantidade de pêlos que encontraríamos enfurnados em cada componente, em cada cooler, cada pecinha que for, seria suficiente para formar outro gato!

Mas como tudo que é regra tem suas exceções, não é todo o gato e nem todo o aparelho que se cruza nesse mundo. Nesses casos, o que eu percebo nos gatos é um misto de medo e curiosidade. Eles ficam olhando de longe (alguns até de perto) assustados, mas não se escondem (salvo gatos muito muito medrosos, claro).

 A Antonieta até que fica em um ambiente com um liquidificador ligado. Mas é só tentar passar a mão em seu dorso que ela pula igual a um esquilo amedrontado. E a pobre ainda continua no mesmo recinto, não é de sair correndo! Se eu com o medo dela já estaria a milhas de distância...!

Não me venha com churumelas barulhentas! Não gosto mesmo!

O negócio da Ágatha é com o depilador. Fico me indagando: será que ela tem a ciência de que esse aparelhinho serve para descravar pêlos da raíz? Sendo ela uma criatura coberta de pêlos dos mais variados tamanhos, cores e texturas, da orelha à ponta da cauda, deve imaginar que aquilo seria como um sistema de tortura do século XVI para nós reles humanos!

video

Esse caso não é bem com aparelhos eletrônicos, maaas... a Neguinha (do meu amigo Écio), tem um caso tosco com lança-chamas. Quando o Écio flambava as paredes para esturricar carrapatos, a Neguinha soltava um miado audível a dois quarteirões de distância, sempre espreitando o provedor de fogo, sem tirá-lo de vista.

Neguinha == secretária muito eficiente.

Sempre irá existir um gato que não suporta certa tecnologia. Quem não se lembra da famosa gata calico do consagrado web hit que espanca impressoras?


Há também gatos que odeiam pipoqueiras:


E também torradeiras:

 
Assunto geral: aspiradores! É só ligar o aparelho e o dorso arrepia, a cauda abaixa, a pupila dilata. E ficam lá com cara de 'que bicho é esse?', mas não arredam a pata do lugar sem despregar o olho do bicho! E se você apontar o aspirador para o gato, ele até foge por uns... dois segundos. Logo estão de volta, para vigiar o bicho!
 
Entretanto, vejam esse caso com o aspirador:


Tá, posso dizer que está mais para um caso de amor! Esse caso atípico garimpado do YouTube deixa qualquer gateira intrigada! E qualquer gato também!

Já a Mabel e a Brenda não se importam com nada, são bem carismáticas com qualquer aparelho e não têm nada a reclamar. Nos dias de frio, inclusive, a Brenda vira a melhor amiga do receptor da parabólica.
Ah, e antes que eu me esqueça, preciso contar também que a Ágatha morre de medo do espanador, que é só pena!

E quanto aos seus felinos, qual é o caso de amor e ódio que eles possuem com seus aparelhos domésticos? Dêem uma comentada!

Um grande abraço a todos e desejo-lhes uma ótima segunda feira!!

9 comentários:

  1. Mina detesta o aspirador de pó e secador de cabelos. Meu nebulizador ela até está tolerando, não tem fugido mais quando eu o ligo. Mas o que ela adora é sentar sobre o computador(CPU) e em cima do mouse quando não dou à ela a atenção que ela considere adequada. Também gosta de sentar do lado do note, naquela saída de ar quente :))))

    Já a minha Soninho amava ser aspirada, rsrs, eu limpava a casa e ela nem se mexia e até deixava eu passar o aspirador- no vácuo fraco - em cima dela, uma graça.

    ResponderExcluir
  2. I have to laugh every time I watch that calico with the printer! Poor kitty was so frustrated the printer won't take the paper. LOL.
    Boomer doesn't mind being "vacuumed" but not the other cats. :)

    ResponderExcluir
  3. O tom tem medo do aspirador e do secador de cabelo, fica olhando de uma distância segura, mas quando eu desligo ele vem bisbilhotar e dá uma surra igualzinho a Ágatha fez. E fica assustado por algum tempo nem pensar em dar cafuné é um pula, pula daqueles.

    ResponderExcluir
  4. Oi Lívia....
    Eu morro de medo de aspirador de pó ....adoro dormir na impressora....iPad é ótimo para sentar em cima...teclado então nem se fala....amo ficar em cima de um teclado....Amei o post...
    Nyan nyan
    Nina

    ResponderExcluir
  5. eu e meus irmaozinhos não suportamos o aspirador de pó. morremos de medo! faz um barulho assustador...

    ResponderExcluir
  6. Em casa o liquidificador é o que mais assusta os felinos. Aliás, eu mesma detesto o barulho. Quanto ao aspirador de pó, sei que eles não cultivam nenhuma simpatia por tal aparelho, mas até que eles ficam relativamente tranquilos quando ligamos.
    Beijos

    ResponderExcluir
  7. Acho que eles odeiam mesmo os aparelhos barulhentos. Aqui em casa é o aspirador de pó e o secador os campeões do deseperado felino. O liquidificar até atrai o Shake, pois ele sabe que esta rolando comida ou bebida na cozinha e isso interessa muito ele, alias qualquer barulho na cozinha já atrai o gordinho.
    beijos

    ResponderExcluir
  8. Até o Barum tem medo do aspirador de pó! A Rutha tinha medo quando eu abria uma garrafa de refrigerante perto dela! Quando eu usava o computador de mesa o meu marido vivia fazendo limpezas na cpu e tirava muitos pelos, ele reclamava demais era um inferno! Agora a Pink adora se esfregar no notebook e eu morro de medo porque já quebrei a tela de lcd sem querer...
    Sabia que eu já escaneei a Rutha e a Pink? Elas ficaram comendo atum e não se assustaram com o barulho, até que foi divertido, vou tentar novamente com a Pink mas a Rutha era menos assustada e as fotos das patinhas dela ficavam melhores!
    Beijos
    Laís

    ResponderExcluir
  9. Lívia, adorei o seu post! Gato tem mesmo uma atração incontrolável por equipamentos elétricos ou eletrônicos. Mais uma prova do DNA nerd que os felinos carregam... :P
    Aqui em casa, a Chloe ultimamente está a-do-ran-do tirar cochilos em cima do roteador wi-fi que fica na sala. O notebook também é favorito mas, neste caso, ela não consegue ficar muito tempo em cima porque eu espanto a pobre para continuar trabalhando, hehehe.
    Aspirador de pó e secador de cabelo é pânico na certa! Ela fica olhando de longe mas é só se aproximar que ela enfia o rabo entre as pernas e sai ligeira! Para com a impressora, ela tem curiosidade. É só ouvir o som que ela pula em cima do aparelho e fica lá, sentada, tentando desvendar do que se trata aquela máquina estranha...
    Gostei da ideia da Lais! Vou tentar scanear a Chloe também! :D

    Beijos

    ResponderExcluir

Entrem, insiram dados, fiquem à vontade. O sistema I/O Gatos fica muito feliz com sua presença!!

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...